Explorar. Inspirar
Artigo 7 out 2021

TRIBUTAÇÃO E REPUTAÇÃO: AS MULTINACIONAIS EM FOCO

A fiscalidade das empresas é um risco de alto impacto reputacional, especialmente para as multinacionais, e é previsível que os efeitos econômicos da pandemia, a transformação digital, o escrutínio dos meios e da opinião pública, e a crescente regulação fiscal a nível europeu e mundial não façam mais que acrescentar mais pressão tributária sobre estas.

Neste contexto, as empresas mais do que nunca devem ser capazes de explicar como contribuem à sociedade, à economia e ao bem estar geral. Não obstante, os esforços de comunicação não deveriam permanecer limitados aos momentos de crises ou conflito com as administrações públicas, pois o impacto em sua reputação já será inevitável.

As multinacionais devem ser conscientes de que existe este risco latente e que devem trabalhá-lo antes, durante e depois de que possa materializar-se. 

Registramos uma análise da situação e algumas chaves de comunicação neste artigo.

  1. Quais são as novas ameaças em matéria fiscal para as grandes empresas? 
  2. Como as multinacionais podem enfrentar o escrutínio público e defender sua planificação fiscal?
  3. Quais são as chaves para prevenir e minimizar os impactos negativos sobre a reputação?
BAIXAR
Alba García
Directora da Área Issues Legais
É licenciada em Publicidade e Relações Públicas e Mestre em Comunicação Empresarial e Publicitária, ambos pela Universidade Complutense de Madri. Coordenou os Mestrados da UCM em "Comunicação de Instituições Públicas e Políticas" e "Comunicação Corporativa e Publicitária". Na LLYC, Alba trabalhou em diversos projetos de comunicação nos últimos anos, durante disputas judiciais e ações de reestruturação. Nesta área, liderou a campanha desenvolvida para a crise de reputação da Vitaldent, ganhadora do Stevie Award, em 2017. Também ocupou diversas funções em projetos de comunicação corporativa para clientes como Coca-Cola, Burger King, Mercadona, Atento e Faurecia.
Luis González
Diretor Sênior da Área Issues Legais
Com 20 anos de experiência profissional, é especialista em comunicação de crise, reestruturações e falências e relações com a imprensa, tendo se especializado em sua carreira nos setores de infraestrutura, imobiliário, alimentação, saúde e indústria. Foi diretor das operações da LLYC no Chile (2014-2016) e em Portugal (2012). Antes, foi editor do Diario Médico, editor-chefe dos canais de televisão locais Teletoledo e TV Guadalajara e assessor de imprensa e diretor de expansão da agência de publicidade Tactics Europe. É jornalista, formado em Ciência da Informação pela Universidad Complutense de Madri; é professor convidado de vários cursos de mestrado em Comunicação Estratégica.
Quere saber mais?

Queremos colaborar com você

Qual o seu desafio?

Quer fazer parte da nossa equipe?

Quer nossa participação no seu próximo evento?