Explorar. Inspirar
Artigo 7 abr 2021

Tendências de Healthcare

NOVAS FORMAS DE COMUNICAÇÃO NO SETOR SAÚDE

 

A pandemia provocada pela Covid-19 fez tremer a estrutura sanitária, social e econômica do nosso país. Nesse panorama, a robustez e a trajetória de algumas indústrias têm sido a chave não apenas para superar o momento de emergência, mas para demonstrar uma alta capacidade de resposta.

A indústria farmacêutica surgiu como a solução para este momento de crise. Em termos de pesquisa, o seu papel tem sido fundamental, não só na sua actividade no desenvolvimento de vacinas mas também na procura de soluções terapêuticas contra o coronavírus.

A indústria farmacêutica na Espanha liderou a corrida para encontrar um tratamento, sendo o país de Europa que mais participou de ensaior clínicos e o quarto no mundo.  Graças aos seus grandes investimentos em P&D e à constante renovação de suas unidades de produção, tem sido possível garantir o fornecimento de medicamentos específicos contra a Covid-19, bem como o fornecimento de medicamentos e princípios ativos do exterior em colaboração com a Agência Espanhola de Remédios. Em um contexto bastante hostil, a ativação de planos de contingência e a preponderância como setor têm sido essenciais.

A economia precisa contar com setores estratégicos para superar a crise e o setor farmacêutico é um deles. É uma indústria com um modelo de emprego qualitativo e projetado, e com forte atuação na produção e exportação de alta tecnologia. É o primeiro setor industrial que mais investe em P&D com 20% do gasto empresarial, de acordo com a pesquisa de 2019 sobre inovação nas empresas do INE. E esse investimento tem implicações positivas muito evidentes no campo da saúde, mas não desprezíveis nas esferas econômica, social e trabalhista.

Assim, a pandemia proporcionou à indústria farmacêutica uma grande oportunidade de se mostrar como um motor econômico e social na Espanha. É hora de valorizar essa indústria e explicar como ela nos ajudará a superar essa situação, pois nos fornecerá uma parte muito importante da solução. Estamos perante uma nova etapa incerta em que a solidez, a eficiência e as ações vão restaurar a confiança e não podemos esquecer que este é um elemento intangível fundamental para a recuperação econômica. Como indústria, é hora de se explicar e se explicar bem, com rigor, autoridade e, acima de tudo, com transparência.

BAIXAR
Georgina Rosell
Diretora Sênior da LLYC Barcelona
Diretora Sênior da LLYC. Bacharelado em Ciências Política pela UAB, Pós-graduação em Relações Internacionais pela Katholique Universiteit de Leuven, Mestrado em RSE de Barcelona e Pós-graduação em Gestão Empresarial e Comunicação pelo Instituto de Empresa. Diretor da Fundación USP Hospitales e Diretor de RSE da USP Hospitales. Mais de 15 anos de experiência no desenvolvimento de programas para CaixaBank, Unilever, Nike, Amgen, Oxfam, Cruz Vermelha, DKV Seguros, Sanofi, Grünenthal, Fundação Crèdit Andorrà, Coca-Cola, L’Óreal, CIRSA Volkswagen ou Telefonica, entre outros.
Javier Marín
Diretor Sênior Healthcare Américas
Javier Marin é um profissional de comunicação e assuntos públicos com experiência nos setores público e privado com mais de 20 anos de experiência em empresas farmacêuticas, biotecnológicas e de ciências da vida. Ao longo de sua carreira desenvolveu campanhas de comunicação social para prevenção e cuidado para a Saúde do governo do México; comunicação corporativa, assuntos governamentais, comunicação interna, marketing, digital e responsabilidade social corporativa, além de programas de relacionamento com grupos de pacientes no México. Para a América Latina e em nível global, trabalhou em empresas como Merck & Co. (MSD) e Johnson & Johnson.
Tuca Figueira
Diretora de Saúde e Advocacy da LLYC no Brasil
Com mais de 20 anos de experiência em comunicação estratégica e de saúde, Tuca Figueira trabalhou com clientes como o Hospital de Santa Catarina, Biogen, Alexion, Departamento de Transporte Metropolitano do Estado de São Paulo, PepsiCo., entre outros. Especializada na área farmacêutica, gerenciamento de crises e branding institucional. Na LLYC, trabalha em projetos de gestão de reputação e em apoio às áreas de Comunicação, Advocacy, Acesso e Marketing, além de organizações de pacientes, com diversas indústrias. Tuca é formada em relações públicas pela Faculdade Cásper Líbero (SP) e especializada em Jornalismo Institucional pela PUC /SP. Possui MBA em Gestão de Comunicação Corporativa pela FECAP/SP e especialização em Advocacy e Políticas Públicas pelo PEC FGV / SP.
Quere saber mais?

Queremos colaborar com você

Qual o seu desafio?

Quer fazer parte da nossa equipe?

Quer nossa participação no seu próximo evento?