Espanha 2 abr 2014

Reputação e Cidadania

319

Com os atos realizados em 1º de abril em Buenos Aires, na Universidade de San Andrés e no Jóquei Clube, respectivamente, começou o processo de apresentação do terceiro livro da d+i LLORENTE & CUENCA, Reputación y Ciudadanía, na América Latina e em Portugal e Espanha.

Como no caso dos dois anteriores, que abordaram as dimensões Inovação e Liderança, respectivamente, da Reputação, o novo livro da d+i LLORENTE & CUENCA é, também, uma obra coletiva que, neste ano, tem o privilégio de contar com o Prólogo do Professor Charles Fombrun, Presidente Fundador do Reputation Institute, e com um Epílogo de Paulo Nassar, Presidente da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (ABERJE) e Professor Doutor e Livre-Docente da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

Reputación y Ciudadanía põe foco na dimensão Cidadania da Reputação e aborda, por isso, as mudanças sociais e as novas dinâmicas de empoderamento dos cidadãos que estão acontecendo no atual momento e que tanto impacto estão tendo no cumprimento da Visão, a Missão e os Planos Estratégicos das companhias e as instituições financeiras e as oportunidades que, para estas, se abrem para sustentar sua vantagem competitiva pela via da gestão da Reputação, da relação com o Regulador e do uso das novas tecnologias da informação e da comunicação.

No contexto atual, os cidadãos têm, cada vez mais, uma capacidade de iniciativa e uma maior relevância social que afeta diretamente os modelos de negócio de empresas e instituições financeiras que precisam obter, de forma permanente, licença social para operar nos mercados.

As organizações empresariais e financeiras já não serão capazes de ser sustentáveis a longo prazo se não cuidarem e colocarem no alto de suas preocupações a gestão de sua Reputação.

De fato, um dos principais desafios para a gestão da Reputação de companhias e instituições financeiras – e, por certo, também dos países e seus governos – é dar resposta às reivindicações dos cidadãos, cada vez mais críticos e exigentes, que exercem um ativismo que só será superado através da confiança, o compromisso e a transparência das organizações. Definitivamente, através da proteção, enriquecimento e engrandecimento de sua Reputação.

Jorge Cachinero, Diretor Corporativo de Reputação e Inovação da LLORENTE & CUENCA

Quere saber mais?
Artigos
    Especialidades
      Profissionais

        Queremos colaborar com você

        Qual o seu desafio?

        Quer fazer parte da nossa equipe?

        Quer nossa participação no seu próximo evento?